"Penso, logo escrevo", Aleatórios, Inspiração, Leitura

“Penso, logo escrevo” – Diga sim!

tumblr_n270q2k5yc1su5r3uo1_500Aprendi com a vida. Aprendi que certas coisas não tem explicação, aprendi a entender que não há como entender o jeito estranho das pessoas, aprendi também que é necessário viver a vida um dia de cada vez e que nem sempre vou ter alguém ao meu lado pra me dizer o que fazer, para me consolar, para alisar os meus cabelos e dizer ao pé do meu ouvido que tudo vai ficar bem mesmo que não seja verdade.

Aprendi que despedidas são indispensáveis em algum momento e que a saudade pode não ser uma coisa tão ruim assim, até me faz sentir viva sabe? Mas, não me sinto preparada pra encarar as aventuras desse mundo sozinha, a minha cabecinha é muito teimosa e não vai suportar a pressão das pessoas e posso acabar surtando em poucos dias. As vezes sou muito ingênua e sei disso por experiências passadas, e sabe o que eu fiz? Chorei e claro aprendi, mas como lidar com tanta esperteza e engenhosidade impregnada por ai?

Não vou saber o que fazer, para onde ir e como suportar esse grande buraco negro que vez ou outra tenta me puxar para a completa escuridão. Vou precisar do seu colo, do seu abraço quente e reconfortante todos os dias, dos seus conselhos e até mesmos dos seus gritos. Preciso ter você junto a mim, nos melhores e piores momentos da minha vida, quero apenas um sim e se não for, eu lhe digo que isso foi mais uma coisa que aprendi!

  • Franciele Vilas
Anúncios
Aleatórios, Dicas, Inspiração, Viagens

30 coisas para fazer antes dos 30 anos!

tumblr_o13yxhgcrI1rpuxn1o1_1280Acho tão legal poder escrever uma lista de desejos e coisas para serem realizadas durante um ano ou até mesmo coisas para serem feitas antes de uma idade, e é justamente a minha proposta para este post, mas de uma forma mais generalizada do que pessoal, porque assim você que está lendo este post pode se mexer e sair por ai pra curtir a vida enquanto ainda há tempo, certo? 

Então, vou indicar 30 coisas legais, divertidas e até mesmo bobas para serem realizadas até ou antes dos 30 aninhos de idade que é o momento mais comum para transição de modo de vida ou coisas do tipo, acho que deu pra entender mais ou menos né? Vamos lá galera, riscar cada item traz uma sensação tão maravilhosa de felicidade e liberdade, vamos viver tudo o que temos pra viver!

  1. Fazer uma, duas ou até três viagens para o exterior
  2. Mudar o visual (cortar ou pintar de uma cor diferente)
  3. Tomar banho de chuva
  4. Tirar a carteira de motorista
  5. Fazer uma tatuagem
  6. Adotar algum bichicho, gato, cachorro ou outro e tê-lo como um filho
  7. Escrever um livro (mesmo se ele não for publicado)
  8. Aprender um novo idioma
  9. Aprender a dizer não, não deixe que as pessoas se aproveitem da sua bondade
  10. Ir a uma praia de nudismo
  11. Acampar com os amigos, família, parceiro(a)
  12. Experimentar alguma comida bem esquisita e nojenta
  13. Ir a um show de uma banda, cantor ou cantora que goste muito
  14. Nadar pelado
  15. Fazer um intercâmbio sozinho
  16. Se presentear com algo bem caro que nunca pensaria em comprar
  17. Fazer um pic-nic
  18. Pular de para quedas, asa delta ou algo radical desse tipo
  19. Pegar a estrada para algum lugar distante
  20. Passar um dia ou um fim de semana inteiro na cama vendo Netflix
  21. Fazer algum trabalho voluntário
  22. Praticar algum tipo de luta
  23. Fazer algum curso que seja do seu interesse
  24. Fazer um book fotográfico
  25. Ir a uma festa temática fantasiado
  26. Encarar seus piores medos e receios
  27. Correr alguma maratona
  28. Ir a Disney
  29. Fazer mergulho em algum lugar paradisíaco 
  30. Fazer um cruzeiro
"Penso, logo escrevo", Aleatórios, Dicas, Inspiração, Leitura

“Penso, logo escrevo” – Manual de Boas Maneiras

tumblr_lk3lqzcVFW1qjocnzo1_500_largeTenha educação menina! Dê bom dia às pessoas! Sorria! Seja gentil e cordial! Não peça nada na casa de ninguém, a não ser que te ofereçam! Tira a mão da boca! Não fale alto!

Quantas mil vezes ouvimos isso dos nossos pais desde pequenos? Acho que inúmeras e incontáveis vezes. Segundo minha mãe sempre fui elogiada pelas visitas por ter bons modos e ser tão meiga e educada, mas o que seria ter bons modos e ser educada nos dias atuais? Até porque há algum tempo atrás certas atitudes e ações eram taxadas como inadmissíveis.  Mas quais seriam essas atitudes? Vamos lá.

Não dar bom dia, boa tarde ou boa noite às pessoas em qualquer lugar, não pedir licença ao se retirar da mesa após uma refeição, não cumprimentar com mais formalidade pessoas de nível social e econômico e muitas outras coisas que são chatinhas demais. Então, tomei a iniciativa de vim aqui e dar uma dicas super básicas para ter boas maneiras em qualquer situação e ocasião sendo ela cotidiana ou especial.

1 – Sorria

O sorriso muitas vezes pode “desarmar” qualquer ação mais grosseira e estúpida de alguma pessoa que esteja enraivada, de mal humor ou triste. Ajuda a reverter alguma situação mais complicada e ainda por cima mudar o dia de uma pessoa triste e desmotivada. Afinal, o que custa abrir um belo sorriso, é tão fácil e lindo.

2 – Cumprimente as pessoas

É fato que quanto mais o tempo passa, as coisas vão mudando e muita gente esquece do básico e necessário para ter uma boa convivência com o próximo. Seja lá o horário do dia, se você entra em algum ambiente onde têm pessoas não vai doer e nem demorar pra dizer, Bom Dia, Boa Tarde, Boa Noite. São duas palavrinhas que não duram cerca de 5 segundos para serem pronunciadas. Quem sabe aquela pessoa que está contigo no elevador só precise ouvir isso para que o dia se transforme e seja incrível?!

3 – Se preocupe com o próximo

Pode ser amigo, parente, conhecido ou um total desconhecido, mesmo que você saiba que não poderá ajudar pelo menos tenha a preocupação de confortar alguém que esteja precisando só de um desabafo, de um ombro amigo ou até mesmo de um conselho. São frases simples e mágicas, posso te ajudar em algo? Quer ajuda? O que está acontecendo? O que faço pra te ajudar?, pode ser um estímulo, um conforto para que a situação do outro melhore, e um dia você também possa vir a precisar né?!

4 – Agradeça

Seja lá qual for o favor, a ajuda ou simplesmente por reconhecer o minimo esforço de alguém tentar lhe ajudar, agradeça. Mas também agradeça a cada momento por tudo e todos que passam pelo seu caminho, tenha feito ela coisas boas ou ruins pra você, porque o que aconteceu teve um motivo e veio pra lhe ensinar algo. A melhor coisa desse mundo é poder agradecer, nunca esqueça disso.

– Franciele Vilas

"Penso, logo escrevo", Aleatórios, Inspiração, Leitura

“Penso, logo escrevo” – Desabafo

tumblr_ltwh9cWMKw1r0biufo1_500Via

O que eu estou fazendo agora? Nada! Sentada de frente para a tela do meu notebook tentando buscar a tal da inspiração, tentando buscar algo interessante para postar no blog, realmente tentando com todas as minhas forças produzir um post decente pro blog, mas o que estou fazendo? Nada! Mas que grande merda hein?! Cadê os tais dons e talentos bloguísticos? (tô nem ai se essa palavra não existe, inventei agora e pronto) sumiram, só pode ser. Como saber o que fazer ou o que escrever? É um saco não saber, mas é a realidade, sou blogueira (pelo menos é o que acho que eu sou) tenho uma boa escrita e imaginação (também é o que eu acho) e agora parece que deu um “bug” na mente. Já estou cansada de fazer pesquisas, visitar sites e blogs e não produzir. Bate aquela sensação de incompetência e burrice sabe? Tipo, Ô garota acorda, você não nasceu pra isso!

Mas, será que devo desistir? O que devo fazer? meu blog é legal? Fala de coisas legais? Meus leitores gostam? O que eles pensam de mim? Como pergunto a eles isso? Porque eles seguem meu blog? Que tipo e assunto eles gostam que eu fale? São muitas perguntas e questionamentos que passam pela minha cabeça nesse momento, e só isso, apenas isso, conteúdo legal nada.

Penso em desistir sabe, jogar tudo pra cima e *****-** é isso mesmo, aceite essa realidade, existem melhores e põe melhores nisso, você não sabe de nada garota, vê se enxerga isso de uma vez. Não dá, não quero mais, não consigo evoluir cara, entende? (pelo menos é isso que acho de mim) Isso desanima, desgasta. Sabe quando você está numa boa e daí surge aquele monte de ideias e a euforia toma conta de você por completo e ai você não sabe por onde começa, anota tudo, pensa que vai dar certo e que isso vai dar um “UP”no seu blog e na sua carreira, mas daí vem algum ser invisível e traz com ele um balde de água gelada com muito gelo e derrama todinho em sua cabeça? Nesta hora você vê tudo descendo pelo ralo e pensa “Já deu”. 

É assim mesmo que acontece, acredite! e já vou logo dizendo que não é nada legal, pode ter certeza disso, e é isso. Acabou, fim, ponto final.

– Franciele Vilas