Aleatórios, Dicas, Fotografia, Inspiração, Leitura, Livros, Resenha

Resenha Literária: Sanctum

Olá galera linda, tudo beleza?! Vamos lá para mais uma resenha literária, e dessa vez, finalmente do segundo livro da trilogia de Madelaine Roux, Sanctum.Para quem achou que a horrível e traumática experiência dos amigos Dan, Abby e Jordan do verão passado no alojamento do New Hampshire College tivesse acabado, se enganou. O pesadelo do grupo ainda continua e mesmo cada um voltando pra sua realidade de vida, eles ainda continuam ouvindo vozes e tendo visões.

No meio disso tudo, Dan, Abby e Jordan estão recebendo cartas anônimas enigmáticas e fotos de um parque de diversões antigo. Então, para dar um ponto final em toda essa loucura os meninos decidem se disfarçar de candidatos e voltar por um fim de semana ao New Hampshire College. 

Quando eles chegam lá, começam a descobrir muito mais coisas tenebrosas, e que o parque de diversões das fotos é real voltará a funcionar. Dan e seus amigos seguem tentando desvendar cada pista que aparece e as descobertas são cada vez piores, mais tenebrosas do que eles haviam imaginado, além de correrem muito mais perigo.  Confesso que poderia falar muuuuito mais e vários detalhes sobre essa incrível trama, mas não vale dar spoilers e a melhor parte é “devorar” essa edição e passar todos os sustos e apertos juntinho de Dan e seus amigos. Literalmente eles não podem perder o controle para sair dessa. Eu já estou super ansiosa e curiosa para começar a leitura do terceiro livro, espero que seja em breve rsrs. Enquanto isso, divirtam-se com Sanctum!

Beeijinhos, Fran!

Anúncios
"Penso, logo escrevo", Aleatórios, Dicas, Inspiração, Leitura

“Penso, logo escrevo” – Mudanças

Foto via TumblrA vida está em constante mudança. Somos impulsionados a viver e mudar dia após dia e isso é o que podemos chamar de ciclo natural da vida. Mas, o que me chama mais a atenção é o quanto somos passíveis de achar que podemos mudar os outros. As vezes nos achamos meio que super heróis com super poderes e como num passe de mágica transformamos aquela pessoa totalmente, só que não. No meu histórico pessoal de experiências vividas pude perceber o quanto o ser humano pode ser mutável e imprevisível por si só. Pense assim, cada um reflete em suas ações e personalidade aquilo o que recebeu (ou o que não recebeu), o que viu e aprendeu desde criança. Não se sinta responsável por isso, a única coisa que se deve fazer é ser gentil, compreensivo e compassivo!
Como dizia a minha psicóloga: “Não espere mudanças positivas dos outros, mude você”. Você precisa ser a mudança que quer ver no outro! E sabia o poder que isso tem? Claro que isso não acontece automaticamente, é um processo contínuo de persistência, perseverança e amor próprio. Depois de algum tempo você vai começar a perceber como tudo muda, e aquela pessoa diante do seu novo eu também vai mudando. BINGO! É preciso se renovar, se reaprender todos os dias. Se tudo fosse sempre igual a todo o momento o quão chato seria a vida. Mudança é sinônimo de amadurecimento, crescimento e responsabilidade. Sim, você é responsável pela sua felicidade, por cada mudança que quer viver e realizar em sua vida.
Dessa vida não levaremos absolutamente nada, mas o que ficará em cada pessoa que passou pela sua vida é o que você foi e o que fez durante a sua passagem por aqui. Então, imagina ai se nessa vida você não colaborou para a felicidade e o crescimento do outro? Se você não foi amigo, parceiro e um pouco pai ou mãe de quem precisava? Se você não olhou para dentro de si e buscou a mudança que precisava para a transformar a si e ao outro? Não deixe passar nenhuma boa oportunidade que Deus queira te dar para mudar completamente de vida, porque você é totalmente capaz de ser um meio de salvação na vida do próximo. Apenas mude!
– Franciele Vilas

Aleatórios, Dicas, Inspiração, Leitura, Wishlist

Minhas metas para 2018

 Foto: via tumblr

Todo ano é a mesma coisa, vai chegando pertinho da contagem regressiva para a virada do ano e passa aquele filme pela cabeça sabe?! Tudo o que vivi no ano, os acontecimentos, metas e desejos realizados e os que também não o foram. Mas, a melhor parte de rever tudo o que eu havia planejado no ano anterior e riscar o que foi realizado é poder refletir e compreender o que não foi possível se concretizar.

A gente vai crescendo, amadurecendo e reinventando nossas metas. A partir disso é tão simples entender que na vida surgem tantas prioridades sem nem esperarmos, que o que parecia ser imprescindível passa a não ser mais tão importante assim, pelo menos em um certo momento, mas tudo bem! A vida é assim, feita de escolhas, as prioridades vão mudando com o passar do tempo e dia após dia a gente vai aprendendo. 

Agora é a hora de colocar tudo no papel e planejar as aspirações para o novo ano (a gente planeja né, mas Deus é que sabe de tudo) #ficaadica. Tracei algumas metas para 2018, vem ver! Ah, se já pensou nas suas metas e desejos para 2018 conta pra mim aqui nos comentários que vou amar saber. 

Ler mais!

Vocês que me conhecem, com certeza já sabem do meu amor pela leitura. Ler é um dos meus hobbies prediletos, mas esse ano foi realmente bem difícil manter minhas leituras em dias. Mas, estou me comprometendo em 2018 ler boa parte dos livros que quis ler desde 2016 rsrs.

Fazer minha primeira tatuagem

Olha que esse desejo é antiguinho viu, mas tô sentindo que ele vai se concretizar no próximo ano. Inclusive é super importante ter certeza do que você quer tatuar e saber o real sentido que ela vai representar viu, vai ficar marcado pra sempre no seu corpo!

Cuidar melhor da minha saúde

Bom, por motivos negativos, esse ano eu já comecei a cuidar mais da minha saúde e pretendo continuar levando isso bem a sério em 2018 e pelo resto da minha vida. Afinal, saúde vem em primeiro lugar e não dá pra ficar vacilando não hein. Faça como eu, procure fazer algum exercício que te dê prazer e cuide melhor da sua alimentação, você vai ver o quanto valerá a pena.

Organizar minhas finanças

Este ano dei um pontapé inicial para começar a minha organização financeira, comprei a aula de finanças da minha chará, a blogueira Franciele Guarniere do blog Morando Sozinha. O valor foi super em conta e tive acesso a um e-book muito bacana e a uma planilha incrível para organizar tudinho. Infelizmente não consegui fazer como deveria ter feito, mas estou focada e comprometida a começar o ano bem planejada e organizada.

Viajar e conhecer novos lugares

Viajar é uma das coisas que mais amo fazer e pretendo conhecer esse mundão afora ainda, tenho fé em Deus que vou conseguir. Tenho alguns planos de viagem para 2018, todos são destinos nacionais. Não vou contar ainda, mas em breve vocês saberão!

Produzir muito conteúdo bacana para o blog e para o canal

Esse ano foi um ano bem complicado para mim, passei por adaptações na minha rotina e não consegui conciliar direito meus horários livres. É tanta coisa pra fazer e tão pouco tempo que até desanima as vezes, mas não deixarei isso acontecer mais. Tô com tantas ideias bacanas para o blog e para o canal para o ano que vem!!! Vou organizar tudo bonitinho para dar conta de tudo, aguardem!

Então é isso, um beijo 🙂

"Penso, logo escrevo", Aleatórios, Dicas, Inspiração, Leitura

“Penso, logo escrevo” – Vida virtual

Foto via Tumblr

As vezes é normal sumir das redes sociais né? Ou não?

Nos últimos tempos tenho desaparecido um pouco das redes sociais, principalmente do Instagram, porque é/era a minha rede social favorita. Mas assim, não estou dizendo que não gosto mais e não uso, não é isso. Só que diante da situação atual da tecnologia e das redes sociais fica cada vez mais difícil você não estar “conectado”. Sinto que existe uma imposição por parte da sociedade que te faz precisar fazer parte dessa onda tecnológica.

Então, na minha opinião vejo que a vida das pessoas tem funcionado da seguinte maneira: O que importa é mostrar o que se tem e o que está fazendo a cada instante, e digo em questão de esbanjar e ostentar comidas, roupas, sapatos e acessórios caros e da moda, viagens para lugares bacanas e até mesmo coisas tão pequenas do dia-a-dia, tipo ‘tô cozinhando galera’, ‘tô indo pra academia’, ‘opa, tô indo pra Paris agora’. Caramba, isso me cansa!

Não sei vocês, mas como alguém pode estar o tempo todo maquiada? Ou em um restaurante caro todo dia? Ou até mesmo viajando pra vários lugares em curto prazo de tempo? Essas pessoas trabalham???? Não sei, mas acho que desaprendi como ser blogueirinha, tirar fotos bacaninhas pra postar durante o dia todo, ou pode ser também a falta de tempo né, afinal eu trabalho o dia todo…

Voltando para o ponto principal, juro que esqueço de postar foto lá no Instagram. Boa parte das vezes tenho aproveitado e vivido tão intensamente os momentos que estou me divertindo, com meus amigos, família, namorado, em viagens e festas que esqueço L-I-T-E-R-A-L-M-E-N-T-E de fotografar. Tenho preferido registrar na minha memória, tão bom isso!!! É triste ver como as pessoas estão acostumadas a tirar suas conclusões da vida alheia por fotos e vídeos publicados na internet. Se posta demais, só sabe fazer isso, tá cheio da grana, é rico, não faz nada da vida, tá muito bem de vida, está “tirando onda” blá, blá, blá. Se a pessoa não posta, COM CERTEZA tem algo de errado acontecendo, ou morreu alguém, ou tá com depressão, está sem dinheiro, triste ou vivendo alguma desgraça na vida. Oi?!?!

Só pra conhecimento geral, eu estou muito bem graças a Deus, minha vida está sendo conduzida por Deus e não poderia estar melhor, tenho um emprego na área da minha formação, faço academia (mas não preciso ficar expondo nas mídias), tenho muitas responsabilidades na igreja e no grupo de jovens que faço parte e amo demais o serviço a Deus. Daí, dá pra perceber que tenho uma vida bem movimentada, trabalho o dia inteirinho e não fico no celular né? O blog está meio paradinho por conta disso, mas jaja tudo se ajeita e volta ao normal ou melhor, melhora mais ainda rsrs.

Enfim, o que quero deixar pra vocês nesse pequeno desabafo é que vivam a vida de vocês sem precisar postar ou mostrar pra todo o mundo. Viva pra você, fora das redes sociais, fora do irreal! Nem tudo o que postam por ai é a verdade sabia? Muitas vezes é pura ilusão pra te confundir, te deixar mal, pra baixo e em troca de nada, porque só fica o vazio do que é material. Viva e sinta tudo o que puder registrando no seu coração e na sua memória, você vai ver que é muito mais prazeroso!

Por Franciele Vilas